Depoimentos de gestores de diversas empresas referente aos  trabalhos profissionais pela empresa

CONAB

“Professor Marcos Terra remete sua imagem a congruência do pensamento de Thomas Fuller: Üm bom exemplo é o melhor discurso”. Constata-se esta semelhança nas Palestras proferidas na CONAB, que sempre marcou com seu exemplo de profissional empreendedor e por ser protagonista de suas ações inovadoras, que modifica, com sua forma de agir, qualquer área de conhecimento humano e social”.

Maria Isabel Braga Coelho – Gerente de Capacitação e Desenvolvimento da Companhia Nacional de Abastecimento- CONAB

 

CAIXA SEGUROS

“A palestra motivacional do Professor Marcos Terra contribui, em muitos aspectos, para o desenvolvimento dos vínculos humanitários e colaborativos entre as pessoas. Ao discorrer sobre a história de personalidades de benevolência e desprendimento, apresenta o tema de forma simples e eficaz. O professor consegue envolver e emocionar públicos distintos; de uma platéia coorporativa mais atenta até grupos de jovens em eventos culturais”. 

Alice Margini Scartezini – Coordenadora  de Investimentos Social Privado da Caixa Seguros.

 

POUPEX

“O Prof: Marcos Terra nos trouxe uma substancial contribuição ao abordar competentemente, em  nossa SIPAT 2010, a Inteligência Emocional no âmbito das interações  socioprofissionais.

Francisco Navarro de Magalhães –  Gerente de Pessoal da POUPEX.

 

“Escrevo para, em nome de todos os integrantes da Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (CIPA) POUPEX, registrar a nossa gratidão pela sua participação na nossa Semana Interna de Prevenção de Acidentes de Trabalho. (SIPAT) 2016. Você agregou muito ao nosso evento, que visava justamente a promoção de saúde, bem-estar e qualidade de vida! “

Leandro Queiroz – Gerente de 
Divisão  de  Gerência de Pessoal da POUPEX, Brasília DF.

 

CNPq

“O CNPq teve o prazer de contar com a participação do Professor Marcos Terra no Projeto de Preparação para aposentadoria, o qual  com muita competência, demonstrou conhecimento e habilidade para ministrar o tema referente  intelegência emocional.

A grandeza de um homem pode ser reconhecida pelas obras realizadas, isso pode ser demonstrado como :

Generosidade+Voluntariadado + Competência = Marcos Terra”.

Antonieta Nogueira Viana –  Chefe do Serviço de Gestão de Competências do CNPq

 

INSTITUTO FECOMÉRCIO

“O Professor Marcos Terra é parceiro do Instituto Fecomércio-DF,  há pelo menos 4 anos e nos trouxe uma grande contribuição na formação de nossos estagiários e alunos, ministrando palestras sobre a Inteligência Emocional  e a profissionalização  vinculada à responsabilidade social de cada um de nós, despertando-os para um olhar mais humanitário sobre as questões relacionadas ao trabalho e ao desenvolvimento sustentável das instituições”.

Sandra Costa – Coordenadora do Instituto Fecomércio/DF.

 

TIAG – The International Accounting Group

“Este certificado de apreciação  é gratamente apresentado a Marcos Terra  por sua participação durante o Encontro Regiona de membros brasileiros  da TIAG – The International Accounting Group, e sua valiosa palestra sobre ‘A Importância da Inteligência Emocional no Trabalho’ em Brasília no ano 2012. “

Peter Appleton Jones, Presidente Fundador  da TIAG.

 

Fundação Jardim Zoológico de Brasília

“A Fundação Jardim Zoológico de Brasilia agradece e parabeniza o Sr. Marcos Terra pelo Curso “Oratória – Arte de falar em Público”  e o treinamento sobre  “Inteligência Emocional no Trabalho” ministrados aos colaboradores, servidores e funcionários desta fundação. E, ainda, pelas oficinas educacionais  aplicadas à pessoas com deficiência e idosos, durante os projetos Zoo Especial e Zoo com vivências, desenvolvidos pela Superintendência de Educação e Uso Público.” 

Ana Lúcia –  Diretora de Educação Ambiental  da Superintendência de Educação e Uso Público  da Fundação Jardim Zoológico de Brasília.

 

Universidade Aberta Humaniza

“Marcos Terra é um Anjo na Terra, seria a maneira mais simples de compor um depoimento e homenagem para este parceiro de humanização e um dos  docentes participantes  e atuante da fundação da Universidade Aberta Humaniza.

Em 1995 iniciamos ações em favor da causa de pessoas atingidas pela Hanseníase, em parceria com Adeusinha Dias fundadora do Grupo Fraterno Estrela do Oriente e depois também fundadora do MORHAN-Movimento de Reintegração das Pessoas Atingidas Pela Hanseníase.

Iniciamos neste tempo um dos mais importantes empreendimentos educacionais de nossa jornada juntamente com o Professor Marcos Terra e o grupo de teatro que com sua direção artística levou conscientização para todo o Distrito Federal sobre esta nobre causa, e que posteriormente se ramificou em minha cidade natal, Limeira-SP, tornando-se referência nacional formalmente dentro de projetos da HUMANIZA, referenciados pelo Ministério da Saúde em 2000, no projeto de Humanização Anjos da Saúde.”

Vicente Pironte – Diretor CID-UNESCO Brasil    www.humaniza.com.br

 

SENAR AR/DF

“Marcos Terra, é um grande profissional e, além de ter vasto conhecimento, é possuídor de uma excelente didática na arte de ensinar.  Suas palestras e treinamentos são elogiados pelos alunos dos curso de capacitação profissional do SENAR devido à competência técnica e acadêmica e à habilidade de cativar  e motivar.

É professor e psicoterapeuta  cujos ensinamentos  nos levam à reflexão  profunda, auxiliando no despertar da essência humana em prol do crescimento profissional e da vida tão desejada pelos empreendedores”  Simone Barros – Coordenadora Pedagógica do SENAR AR/DF.

 

UNIEURO – Centro Universitário, Águas Claras, DF.

“Aprendizados que podem mudar a nossa maneira de pensar e agir. Com ótima performance e muita bagagem cultural, o professor Marcos Terra realizou, no auditório da unidade Águas Claras, a grande palestra: Inteligência Emocional nas Organizações. O objetivo do tema é possibilitar o gerenciamento da inteligência emocional por meio da reflexão e da prática, propiciando o desenvolvimento pessoal, profissional e espiritual. Com a participação do bom público presente, Marcos Terra, que é pós-graduado em psicologia junguiana e psicossomática, fez os alunos se sentirem em um verdadeiro talk-show cult.

Enquanto ilustrava filósofos e pensadores que marcaram época, o professor explicava sobre as camadas profundas da mente humana, assim como a inteligência interpessoal, que nos ajuda a trabalhar com as emoções, ampliando o autoconhecimento. Ele afirma que, sendo a solidão a doença do século, é preciso que tenhamos inteligência existencial. “Tudo o que falamos é verdade porque condicionamos as ideias. Por isso, devemos ter cuidado com os pensamentos e aprender a gerenciar as emoções”, disse Marcos Terra, citando exemplos de pessoas que são felizes ou infelizes pelo modo como encaram a vida.

De acordo com o professor, que também é pós-graduado em gestão profissional e recursos humanos, sentimentos como o ódio e a inveja causam danos intensos ao corpo e até mesmo ao cérebro. “Quando alimentamos o ódio e o mau-humor, o fígado é o primeiro a receber aquela agressividade. Estudos também mostram que as pessoas invejosas ficam com sérios problemas nos cérebro”, diz. Marcos que ressalta ainda o mal que faz ficar preso ao passado, ou se fixar apenas em projetos, esquecendo-se de viver o presente.                                                            

“Quando somos sequestrados pela emoção, não existe resposta racional”. Essa frase de Marcos Terra revela a grande importância do tema, para o uso pessoal e até mesmo profissional. As emoções trabalhadas com inteligência, segundo o também professor de educação artística, podem mudar para melhor a vida das pessoas.    

 

Coordenação  do Curso de Direito, Notícias 10/10/2012